Por detrás dos louros

Necessário se faz enxergar por detrás dos louros da paz e felicidade harmoniosa de que os mártires do Senhor são merecedores, toda a jornada ardil e desafiadora que trilharam.
Fome, abandono dos entes queridos enquanto encarnados, flagelações, zombarias perante as ideias do Mais Alto, em suma, uma conjuntura de fel e desalento.
Porém, analisando de uma perspectiva Crística ainda mais ampla, conseguimos enxergar que é na dificuldade que o bom soldado demonstra tua Fé. É no momento de intempéries e de provações que é colocado a prova nossa capacidade de resistência, resignação e acima de tudo, o esforço na permanência do bem.
Similaridade na história de todos eles, veremos a vigilância de seus objetivos e pensamentos, atribuindo sempre o trabalho no aprisco de autoria e magnificência de Jesus, cabendo sempre a nós, cumprir o papel de bons filhos endividados de outra era. Porém agora, redimidos, buscando o reparo das atrocidades cometidas para nos tornarmos merecedores da felicidade plena que cada um está indubitavelmente condenado.
Portanto, saibamos enxergar o suor despendido no domínio das más tendências por detrás de cada mentor Angelical;
A contenda e o sacrifício sobre-humano em prol de um nome maior: Jesus.
O vergastar das imposições físicas e morais dolorosíssimas por amor ao Divino, que por nós, fizera o mesmo.
O desejo sincero de saída da ignomínia terrena para a palavra que nos induz aos páramos Celestes: o exercício do amor.

Revestindo-se de indulgência

Reveste-te de indulgência para com aqueles que te agridem o coração.
Por mais machucado e abalado que estejas, nunca recorra aos utensílios que a treva tanto preza: dissidências, falácias, intrigas físicas e verbais.
Supões que, muita das vezes, o irmão que lhe fere na alma não está agindo sozinho e bem certa suposição está, vez que quem procura agir tanto no mal quanto no bem sempre encontra companhia espiritual de igual teor vibratório.
Combate assim, o mal com o bem, demonstrando toda vossa benevolência para com o próximo e a indulgência para com as imperfeições alheias, nos mesmos modos que nosso Mestre tão bem nos definiu a palavra caridade.
Junto a isto coloque em vossas preces os irmãozinhos em estado momentâneo de perturbação, que ainda se comprazem tanto no ódio e na vingança e, com certeza, estará fazendo um bem triplo: A tu próprio, angariando virtudes morais, ao irmão encarnado que se permitiu influenciar através das identidades vibratórias de pensamento, e ao influenciador, que tanto precisa de orações e compaixão.
O amor cobre a multidão de pecados meus irmãos, pratiquemos então, este sentimento tão belo e libertador de nossos cárceres interiores! Amemo-nos uns aos outros sem restrições e sem condições! E assim, estaremos amando ao próprio Cristo, rumo a grande jornada da volta para teus braços.

Dissemina tuas virtudes

Dissemina vossas virtudes onde quer que se encontre. Não limites vossa fé e vosso desejo de fazer o bem ao local físico das casas de orações ou dos postos de assistência terrenos. Lembra-te sempre de levar consigo os ideais cristãos, de amor e fraternidade a teu lar, ao teu trabalho e aonde quer que vás.
Não rara as vezes que, através de vossas preces e condutas pautadas na ética e no Cristo podes mudar o ambiente ao teu redor.
Relevando as ofensas, perdoando o próximo e lhe auxiliando como a um irmão que deseja todo o bem do mundo, semeará flores ao seu redor e logo perceberá o jardim belo que lhe surge: Só depende de tua persistência.
Bem vos sabe que apenas atirar a semente sob o solo não é a única coisa que podes fazer: Podes fazer mais, aparando e combatendo as possíveis pragas que vierem de encontro a teu projeto. Novamente vos digo: não vos intimidais. O melhor fungicida para tais circunstâncias é o amor, a paciência, a compreensão e a humildade de saber que, durante este trajeto, muitos vos acusarão a incompetência ao serviço do cultivo, porém sigas adiante, não dê ouvidos a profanações desestimuladoras de que se utilizam para tentarem lhe atingir.
Portanto, persistas em tua jornada e só dê ouvidos as boas aspirações que te elevam o plano vibracional. Ademais, segue perdoando as calúnias que recaiam sobre ti e assim, estará inegavelmente bendizendo ao nome de nosso amado Mestre, que sofreu a maior de todas as injúrias quando passaste por aqui: O peso da crucificação de nossas próprias falhas morais.

Afastando as más tendências

Afasta-te das más tendências, a fim de não prejudicar tua própria evolução. Já sabes que o único objetivo existencial é o aperfeiçoamento de vossa alma nos labores do amor puro e terno, que reluz fraternidade.
Sendo assim, não tardes em se desvencilhar do mundano que te corrói a alma e te suja o espírito, tal qual processo de oxidação a te roubar o brilho da alma.
Luta com garra e afinco contra as baixas paixões, substituindo vossos momentos de lazer menos dignos por obras de caridade que te dignificam o ser .
Pouco a pouco sairás da torpeza dos baixos sentimentos terrenos e, com fé demonstrada através do trabalho para o bem do teu irmão, elevarás teu ser na jornada evolutiva a cada minuto que se passa.
Disso resultará grande felicidade em descobrir na vida as verdadeira riquezas condizentes com o Divino: Descobrirás que a vida pode ser mais que uma mera luxúria ou mero deleite nas vulgaridades do prazer. Descobrirás a verdadeira felicidade que se constrói pensando menos em tuas necessidades e ajudando a sanar as alheias.
Descobrirás que muitos na Terra convivem com muito menos recursos que tu possui e que gozam de um relativo estado de paz e harmonia muito maior do que os “poderosos” terrenos, pseudo-donos do patrimônio material que vos foram confiados não para ser utilizado como instrumento de dominação, mas sim de conversão as boas obras da seara Crística.
Começarás assim, a enxergar a vida com outros olhos e, nunca desistindo ou se abatendo ante as provações que ela lhe trás, conseguirá comungar com a mansuetude de seres superiores que tanto lhe acalentam as turbulências atuais.
Sede pois, bom, para que assim possa conviver entre os bons.
Sede pois, justo, manso e pacífico, assim como aconselhou Jesus, e tudo em tua vida se desdobrará de uma maneira mais alegre e suave.

E, acima de tudo, creia: Mesmo nos momentos em que o mal aparente lhe induz a pensar que tu não irás mais resistir, acredite, existirá servos do Senhor trabalhando para que não caias, pois tudo, absolutamente tudo que nos acomete, é para nosso próprio benefício ascensional, mesmo que muita das vezes apresente-se nos nuances da tão recusada dor, confie que Jesus traça-lhe os melhores caminhos que tu tens que percorrer e que jamais, jamais, lhe propõe um fardo maior do que possas carregar.

 

Dias venturosos


Não sejas mal agradecido
Por todos os esforços alheios
Que vos são tão amorosamente desprendidos.

Agradeça pela água, o alimento e a residência
Pelas amizades, pela família e pela espiritualidade
Que nunca vos desampara
Na sublime e eterna bondade

Se ferido foi nas fibras de teu íntimo
Perdoa e segue adiante
Aumentando a conquista das virtudes
Em nosso espírito errante

Creia, perceberás no momento da volta
Quão grande e meritório é aos olhos de Jesus
Suportar as aflições mundanas
Com coragem ao peso da cruz

Transportará vossa alma a planícies felizes
Onde o mal não há de existir
Ama, confia e espera
Nos dias venturosos do porvir.


Amando e Semeando

Amando e semeando
E o bem a todos fazendo
Ampare os desvelados
E a qualquer um que estiver sofrendo

Fale sobre Jesus
Sobre o poder de seu evangelho
Que há de acalentar os corações
Do sábio, da criança ao velho

Demonstração de amor maior não há
Acalentando a quem vos procurar
Transformando-te em ferramenta do bem
No labor de semear

Bons frutos irão brotar
Basta que saibas esperar
Paciência e resignação, nos trabalhos da criação
O futuro está chegando, de muita paz e redenção.

O controle das más tendências

Controle as más tendências
Não te torne escravo de vossas paixões
A tentação que domina a carne
É anulada por vossas boas ações

Não te entregues ao vício ou a volúpia do prazer
Acreditando vós poder receber
Daí algum crescimento espiritual

Pelo contrário, com tais atitudes
Colaborará unicamente para vossa pertubação mental
Desequilibrando os painéis da harmonia
De teu campo emocional

Roga a proteção do Divino Mestre
A te amparar as tentações sucumbidas
E terás sempre ao teu lado
A proteção de que tanto necessitas.


Evangelho de Luz, Paz e Amor!


É chegado a hora
De tão esperado amadurecimento
Qual angarias ao longo das eras
De tanto transtorno e sofrimento

Vossa evolução já é notável
Te afinizas com os propósitos da alma
Já preferes o amor ao ódio
Onde edificas tua calma

Prepara-te ao testemunho
Que vens sendo provado
Apega-te com Jesus
Mantendo-o sempre ao teu lado

Oportunidade não lhe faltará
De servir e o bem praticar
Fazendo juz ao Consolador
Evangelho de luz, paz e amor.


Os Mensageiros

Sobre as planícies do além túmulo
Onde a compreensão humana já não pode alcançar
Seres Puros, Mensageiros do Cristo
Permanecem no ofício de zelar

Zelar pelos erros humanos
Zelar pelos devaneios mundanos
Zelar por nossas aflições
Escutando nossas orações

Protegendo-nos de todas mazelas
Ensinando-nos com a voz da consciência
A análise dos cometimentos dos erros
Que nos afastam da benevolência

Ajudemo-nos a trabalhar
Esforçando-nos por não mais errar
Mantendo a vigilância de pensamento
Vigiando a tentação a todo momento
E o bem procurando semear

Amar se torna imprescindível
Perdoar de coração ainda mais
Alcemos voo de pensamento aos Mensageiros
Com nossas atitudes fraternais

Burilando-nos com amor antes as provações
Saibamos tirar de cada situação um ensinamento
De cada dia um degrau de evolução
De cada diálogo um exemplo de mansidão
De cada ajuda uma oportunidade de retribuição
De cada ofensa o desejo do perdão
De cada pensamento uma boa vibração!

Vibrar, vibrar e vibrar
Em pensamentos salutares e o bem fazer
Ajudando os Mensageiros do Cristo
Nesta nova Era do viver.

Viver é a melhor opção!

Agradecer a benção da encarnação
É saber ser grato ao Pai
Pela oportunidade de evolução concedida

Não te desesperes ante as feridas
Que a dor do progresso enseja em teu coração
Utiliza-a para enrijecer as virtudes
Na doutrina retilínea do perdão

Não te canses de tentar o bem
De propagá-lo nunca será barrado
Jesus lhe ilumina os esforços pessoais
Estando sempre ao seu lado

Amar, amar e amar
Eis então a solução
Amemo-nos uns aos outros incondicionalmente
Rumo a era de redenção

Não te acovardes perante a vida
Ensejando dar fim ao que Deus lhe concedeu
O sofrimento de um suicida
É maior que o suplício teu

Ore e peça meu irmão, mantenha a fé em Deus
Por acaso ele deixa desamparado
Algum dos filhos teus?

Nunca deixou e nunca haverá de deixar
Visto que o Pai, bondade infinita
Só te permite o abrir de feridas
Que tu possas suportar

Levanta-te irmão! Segue adiante
Pegue tua cruz de espírito ascencional
Sigamos de encontro ao Mestre
Criador do amor universal.